Visita no Céu

Essa história que vou contar, pra mim foi verdadeira e é fiel, a bíblia diz que a carne não tem lugar no Céu (mas fala no sentido do poder da carne do pecado e da morte), porém eu fui fisicamente lá, há pelo menos três pessoas que estão fisicamente no Céu até os dias de hoje: Jesus, Elias e Enoque, também teve o Apostolo Paulo que disse que conhecia um homem que não sabe ele, se foi no Céu através do Espírito ou se fisicamente (ele estava sendo humilde falando de si em terceira pessoa).

Quando criança, eu tinha muita dificuldade para aprender a ler e escrever, um certo feriado meu pai comprou uma bola de plástico daquelas gigante para minhas irmãs e para mim comprou uma lousa (quadro verde de escrever) para que minhas irmãs buscassem me ensinar.

Elas estavam brincando de jogar a bola uma para a outra e nosso pai chamou elas pra dentro de casa para tomar café, eu fiquei no quintal de casa e vi um homem no alto céu (sem nenhum equipamento) e desceu diante de mim, senti um conforto e não me assustei, Ele disse: Me dê sua mão, eu dei minha mão, e passamos a porta de casa juntos, quando terminamos de passar percebi que não estávamos mais em casa, vi seres com muitas asas vindo e voltando, entre lá e a Terra, àquele homem me disse:

Não perde o foco, você veio aqui para outro objetivo! Ele imediatamente abriu um livro gigante diante de mim e disse: Agora leia! Eu li incontáveis vezes *hoje reconheço que eram as mesmas palavras da Bíblia, com um versículo a mais que não irei citar.

Após toda leitura Ele me trouxe de volta, e todos estranharam na época, que eu conseguia ler e escrever, a lousa nunca serviu pra nada!

Quando eu já era maior, fiz prova de um concurso temporário da prefeitura de Palhoça, e passei na redação.

Quando tinha mais idade, fiz uma prova de redação para entrar na faculdade no Senai, passei também.

Quando já havia casado, participei da entrevista de trabalho do meu atual emprego, a prova era redação e passei também.

Hoje eu escrevo raramente, meus erros de português se acentuaram, mas já me serviu muito bem ter aprendido com Jesus a ler e a escrever.
Visita no Céu Essa história que vou contar, pra mim foi verdadeira e é fiel, a bíblia diz que a carne não tem lugar no Céu (mas fala no sentido do poder da carne do pecado e da morte), porém eu fui fisicamente lá, há pelo menos três pessoas que estão fisicamente no Céu até os dias de hoje: Jesus, Elias e Enoque, também teve o Apostolo Paulo que disse que conhecia um homem que não sabe ele, se foi no Céu através do Espírito ou se fisicamente (ele estava sendo humilde falando de si em terceira pessoa). Quando criança, eu tinha muita dificuldade para aprender a ler e escrever, um certo feriado meu pai comprou uma bola de plástico daquelas gigante para minhas irmãs e para mim comprou uma lousa (quadro verde de escrever) para que minhas irmãs buscassem me ensinar. Elas estavam brincando de jogar a bola uma para a outra e nosso pai chamou elas pra dentro de casa para tomar café, eu fiquei no quintal de casa e vi um homem no alto céu (sem nenhum equipamento) e desceu diante de mim, senti um conforto e não me assustei, Ele disse: Me dê sua mão, eu dei minha mão, e passamos a porta de casa juntos, quando terminamos de passar percebi que não estávamos mais em casa, vi seres com muitas asas vindo e voltando, entre lá e a Terra, àquele homem me disse: Não perde o foco, você veio aqui para outro objetivo! Ele imediatamente abriu um livro gigante diante de mim e disse: Agora leia! Eu li incontáveis vezes *hoje reconheço que eram as mesmas palavras da Bíblia, com um versículo a mais que não irei citar. Após toda leitura Ele me trouxe de volta, e todos estranharam na época, que eu conseguia ler e escrever, a lousa nunca serviu pra nada! Quando eu já era maior, fiz prova de um concurso temporário da prefeitura de Palhoça, e passei na redação. Quando tinha mais idade, fiz uma prova de redação para entrar na faculdade no Senai, passei também. Quando já havia casado, participei da entrevista de trabalho do meu atual emprego, a prova era redação e passei também. Hoje eu escrevo raramente, meus erros de português se acentuaram, mas já me serviu muito bem ter aprendido com Jesus a ler e a escrever.
0 Comentários 0 Compartilhamentos